Biologia em pauta

Microscópios de super-resolução aplicados à Biologia Celular tornam Unicamp centro de referência na América do Sul

microscopio

A partir da associação entre o Instituto de Biologia (IB) e o Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), foi criado o Instituto Nacional de Fotônica Aplicada à Biologia Celular (INFABiC), reconhecido como o primeiro Centro de Microscopia de Excelência Zeiss da América do Sul.

A parceria com a multinacional alemã Zeiss, líder em tecnologia do setor óptico e optoeletrônico, permitiu a instalação de dois equipamentos de super-resolução, a última tendência mundial para observação de células vivas e detalhamento de moléculas.

Para Francisco Breno Teófilo, mestrando do IB, os dois novos microscópios são extremamente importantes para o desenvolvimento de pesquisas de ponta na área de Biologia Celular. “O Super-Resolution permite elucidar determinados aspectos que não poderíamos observar com outros equipamentos. No meu caso, como investigo mitocôndrias na próstata, é fundamental um equipamento de alta resolução para compreender a estrutura dessa organela”, pontuou o mestrando.

Saiba mais aqui.

Com informações do Portal do Governo do Estado de São Paulo.

CRBio Digital

Área do Biólogo

Transparência

Anuncie