Biologia em pauta

Girafas entram para a lista vermelha de animais sob ameaça de extinção

12 de dezembro de 2016 – Nos últimos 30 anos o mamífero terrestre mais alto do mundo sofreu um declínio de 40% da sua população e foi colocado na lista vermelha dos animais ameaçados de extinção. Anteriormente, a espécie era classificada como de “menor preocupação” e agora passa para a categoria “vulnerável”.


De acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUNC), que elabora a lista vermelha, a população de girafas despencou de 157 mil para 97 mil entre 1985 e 2015. Das nove subespécies de girafa, cinco possuem populações decrescente, três tiveram aumento de população e uma está em nível estável.


As girafas sofrem em seu habitat natural, principalmente nas savanas africanas. Entre os fatores que estão empurrando o animal para o desaparecimento são: a caça ilegal, o desmatamento, a expansão da agricultura, o impacto das guerras civis e o aumento populacional de países da África.


O relatório ainda aponta que das 85.604 espécies analisadas, 24.307 estão sob perigo de serem extintas.


Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada, Assessoria de Imprensa do CRBio-01

CRBio Digital

Área do Biólogo

Transparência

Anuncie