Biologia em pauta

Laranja pode se tornar geneticamente mais tolerante a doenças

14 de novembro de 2016 – Um grupo de pesquisadores do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Genômica para o Melhoramento de Citros (INCT Citros) pretende transferir para a laranja, uma das frutas mais consumidas no Brasil e no mundo, genes de tangerinas e outros citros relacionados à resistência a doenças.


Segundo os pesquisadores do projeto, já foi possível caracterizar vários genes candidatos à resistência a doenças de tangerina e outros citros. O trabalho agora é transferi-los para a laranja para desenvolver uma planta que seja modificada mas não transgênica por meio de técnicas como a cisgenia, transferência de genes de espécies de um mesmo grupo de organismos que se cruzam na natureza.


Hoje, de acordo com a pesquisa, as doenças que mais ameaçam a produção de laranja no Estado de São Paulo são o greening ou Huanglongbing (HLB), a chamada morte súbita ou a pinta preta. Para auxiliar o setor a combater essas doenças, os pesquisadores do Centro estão adotando diferentes abordagens que incluem o desenvolvimento de variedades de citros mais tolerantes a doenças por melhoramento clássico, biologia molecular, novas estratégias epidemiológicas e práticas de manejo.


Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada, Assessoria de Imprensa do CRBio-01

CRBio Digital

Área do Biólogo

Transparência

Anuncie